Você Está Aqui

Opções Binarias Derivados Financeiros

Opções Binarias Derivados Financeiros

Opções Binarias Derivados FinanceirosOpções Binarias Derivados Financeiros. Dentro do mundo financeiro, encontramos diversos instrumentos de investimento denominados derivados. Define-se como derivados financeiros ou instrumento derivado todos os produtos financeiros cujo valor tem como base o preço de outro ativo. É como dizer que os derivados financeiros são instrumentos cujo preço ou valor não são determinados de forma direta e, sim, dependem do preço de outro ativo denominado ativo subjacente. Esse ativo subjacente pode ser uma ação, índice econômico, matéria prima ou qualquer outro tipo de ativo financeiro como as moedas, bônus e tipos de juros.

A função principal do mercado de derivados é fornecer instrumentos financeiros de investimento e cobertura que possibilitem uma gestão adequada dos riscos. Opções Binarias Derivados Financeiros

Entre os ativos subjacentes mais populares, encontramos as ações da bolsa de valores, moedas, índices econômicos, valores de renda fixa, matérias-primas e tipos de juros.

Opções Binarias Derivados FinanceirosPrincipais características dos derivados financeiros

Opções Binarias Derivados FinanceirosOs derivados financeiros contam com as seguintes características gerais:

a – Os derivados financeiros requerem um investimento inicial muito pequeno em comparação com outros tipos de contratos, os quais apresentam resposta parecida ante o câmbio nas condições gerais do mercado. Esse fenômeno permite ao investidor ter mais lucro, bem como perdas mais elevadas, se a operação não se desenvolver com desejar.

b – O valor dos derivados altera em resposta ao câmbio cotado do ativo subjacente. Atualmente, há derivados sobre todos os tipos de ativos como moedas, commodities, ações, índices econômicos, metais preciosos, etc. Opções Binarias Derivados Financeiros

c – Os derivados só podem negociar em mercados organizados como a bolsa de valores ou em mercados não organizados, denominados OTC.

d – Como todo contrato, os derivados são liquidados em data futura.

Classe dos derivados financeiros

Podemos classificar os derivados financeiros com base em diferentes parâmetros. Os mais comuns são os seguintes:

1 – Derivados de acordo com o tipo de contrato envolvido
a- Opções

b- Forwards

c- Contratos por diferença (CFDs)

d- SWAPS

2 – Derivados segundo o lugar onde são contratados e negociados
a – Derivados contratados em mercados organizados: Nesse caso, os contratos são padronizados sobre ativos subjacentes autorizados previamente. Ainda, tanto os preços em exercício como os vencimentos dos contratos são iguais para todos os participantes. As operações são efetuadas na bolsa ou centro regulado e organizado, como a Bolsa de Chicago no Estados Unidos, onde se negociam derivados e contratos de títulos

b – Derivados contratados em mercados não organizados ou OTC: Esses são derivados cujos contratos e especificações são confeccionadas na medida em que as partes intervenientes contratam o instrumento derivado. Nesses mercados não há padronização e as partes somente fixam as condições que as favoreçam mais.

3 – Derivados segundo o ativo subjacente envolvido
a- Derivados financeiros: São aqueles contratos que empregam ativos financeiros como ações, moedas, bônus e tipos de juros.

b- Derivados não financeiros: Nessa categoria incluem-se as matérias-primas ou commodities como ativos subjacentes que vão desde commodities agrícolas, como milho, soja e gado; commodities energéticas, como petróleo e gás; até metais preciosos, como ouro e platina.

4 – Derivados segundo sua finalidade
a- Derivados de cobertura: Esses derivados são usados como ferramenta para diminuição de riscos. Nesse caso, coloca-se uma posição oposto em um mercado de títulos contra o ativo subjacente do derivado.

b- Derivados de arbitragem: Esses derivados são usados para dar vantagem à diferença de preços entre dois ou mais mercados. Por meio da arbitragem, os participantes no mercado podem conseguir lucros praticamente livres de risco. As utilidades são geradas devido à diferença de preços do mercado.

c- Derivados de negociação: Esses derivados são negociados com o fim de obter lucros mediante a especulação do preço do ativo subjacente envolvido no contrato.

Opções Binarias Derivados FinanceirosAs opções como derivados financeiros

Entre os diversos derivados financeiros existentes, encontram-se as opções conforme mencionado, para classificar o tipo de contrato envolvido. Opções Binarias Derivados Financeiros

As opções constituem em prática um contrato pelo qual temos a opção de comprar ou vender um determinado ativo subjacente em uma determinada data e a um preço já estabelecido. Assim, teremos opções de compra e de venda denominadas Call e Put, respectivamente.

Opções Binarias Derivados FinanceirosEm linhas gerais. compramos uma opção Call quando nossa previsão é de que o ativo subjacente terá uma alta e vendemos opções Put quando consideramos que o valor do ativo abaixe.

O valor da cotação da opção é denominado prêmio de opção. Esse prêmio ou preço de opção divide-se em diversos componentes que influem no preço da mesma e devem considerar, por exemplo, o prazo de queda para o vencimento da opção, o preço da execução, o preço do ativo subjacente, a volatilidade do mercado, os tipos de juros incluindo os dividendos nos caso em que o subjacente seja uma ação cotada.

A forma em que cada um desses parâmetros afetam o prêmio de opção é variável e depende também, principalmente, do tipo de opção sendo operada.

 

Opções Binarias Derivados FinanceirosTermos Relacionados

Opções Binárias O Que É
Opções Binárias Ao Vivo
Opções Binárias Aula
Opções Binárias Automatico
Opções Binárias Análise Técnica
Opções Binárias Analise Grafica
Opções Binarias Demo Account
Opções Binárias São Apostas
MakeMoneyRobot Brasil
MakeMoney Robot Brasil
MakeMoneyRobotMaster
Make MoneyRobotMaster
MakeMoney RobotMaster
MakeMoneyRobot Master
Opções Binarias Derivados Financeiros

Postagens Relacionadas